Centro Universitário Nilton Lins
Manual do Candidato

I - Histórico

A Universidade Nilton Lins está presente em Manaus, oferecendo serviços educacionais desde 1988. Atende hoje a um contingente de, aproximadamente, 15.000 alunos distribuídos em mais de 40 cursos de graduação das áreas de Ciências Humanas , Saúde, Biológicas e Exatas.
Oferece ainda educação infantil, ensino fundamental e médio (escolas), cursos de pequena duração (Pró-Reitoria de Extensão) e cursos de Especialização nas diversas áreas (Pró-Reitoria de Pós-Graduação), além das inúmeras opções de suplementação educativa como idiomas, informática, etc.
Buscando cumprir sua missão, a Universidade Nilton Lins renova-se internamente, articula suas metodologias e moderniza seus espaços, segundo as tendências de mercado do ensino de qualidade.

II - Inscrições

As inscrições do vestibular serão realizadas no Centro Universitário, Av. Professor Nilton Lins, 3259, Parque das Laranjeiras, nos Campi do Japiim E Ponta Negra e na loja UNINILTONLINS.com do Amazonas Shopping ou Pelo site www.niltonlins.br.
Para efetuá-la é necessário o pagamento da taxa de inscrição.
Caso necessite efetuar sua inscrição por procuração, a qual poderá ser de próprio punho, assine conforme o documento de identidade.
No ato da matrícula, será entregue seu cartão de identidade, com o qual você terá acesso ao local das provas. Em caso de extravio, comunique ao Centro Universitário, que providenciará um novo cartão.
São estritamente necessárias as informações contidas no formulário de inscrição, portanto, ao preenchê-lo, faça-o com bastante cuidado.
Os candidatos que, esgotado o prazo de matrícula, estiverem com sua documentação incompleta, terão sua inscrição cancelada.
De decisão da COMVEST, não caberão recursos de qualquer natureza e não será concedida sob quaisquer hipóteses, a revisão de prova e/ou recontagem de pontos.
No ato da inscrição, o candidato deverá optar pelo curso e escolher a língua estrangeira (inglês ou espanhol) em que será examinado.

III - Das Provas

Observe, cuidadosamente, o calendário das provas conforme o edital, a ausência a qualquer uma delas implicará o seu alijamento do concurso.
O concurso vestibular se realizará na sede da Universidade Nilton Lins, Campus Parque das Laranjeiras.
Observe o horário das provas. Chegue ao local do concurso com pelo menos, uma hora de antecedência.
Os portões serão fechados ao início de cada prova. Não será admitida 2a chamada para os faltosos nem solicitação de revisão de prova.
Somente fará prova o candidato que apresentar o boleto de pagamento e seu documento de identidade.
A validade do presente concurso é apenas para matrícula no ano letivo correspondente ao semestre corrente.

IV -  Da Classificação

Será eliminado do Concurso Vestibular o candidato que obtiver nota zero em qualquer uma das provas, independente dos pontos obtidos nas demais, bem como aquele que não comparecer no dia de realização do Concurso.
Serão remanejadas para os Cursos de maior demanda, as vagas remanescentes que constaram em Cursos afins no vestibular do semestre corrente.
O Conselho Universitário estabelecerá o número de novas vagas que poderão ser oferecidas nos concursos posteriores.
O total de pontos do candidato corresponderá à soma das notas que obtiver relativa às provas que compõem o Concurso Vestibular.
Ainda que aprovado no Concurso Vestibular, não terá direito à matrícula o candidato cuja classificação ultrapassar o número de vagas oferecidas em cada curso.
A Classificação dos candidatos se dará pela ordem decrescente da soma dos pontos obtidos nas provas do Concurso Vestibular até o limite das vagas oferecidas para o Curso.
Os candidatos que, no cômputo geral, obtiverem a mesma soma de pontos, serão classificados pelo maior número de pontos padronizados obtidos na prova de Redação.

V - Das Matrículas

O resultado do Concurso Vestibular Integrado será divulgado por listagem, no dia determinado no edital do semestre corrente , na sede da Universidade Nilton Lins.
O candidato aprovado deverá apresentar os seguintes documentos para a matrícula:
 - Certificado de conclusão do Ensino Médio (autenticado pela Seduc ou amparo legal, original  e cópia) ;
 - Histórico Escolar do Ensino Médio (autenticado pela Seduc ou amparo legal, original e cópia); Identidade (original e cópia);
 - Título de Eleitor (original e cópia);
 - Certificado Militar (original e cópia);
 - Certidão de nascimento ou casamento (original e cópia);
 - CPF (original e cópia);
 - 2 fotografias 3x4 (iguais e recentes);

A falta de qualquer dos documentos mencionados impedirá o candidato classificado de efetuar sua matrícula.

VI - Da Reclassificação

O edital de reclassificação será divulgado somente nos quadros de avisos do Centro Universitário.

VII - Dos Cursos
 
A Universidade Nilton Lins tenciona preparar profissionais capazes de contribuir para o desenvolvimento regional, a partir da utilização mais efetiva e eficiente dos recursos potenciais que a região apresenta, preocupando-se, ainda, com a elevação dos níveis de saúde e de cultura da população. Os cursos estão disponíveis no edital do vestibular corrente.

VIII  - Disposições Gerais

O candidato inscrito não terá direito, em nenhuma hipótese, à devolução da taxa de inscrição do Concurso Vestibular.
A Universidade Nilton Lins está credenciado no programa de crédito educativo-(FIES) e programa universidade para todos (PROUNI) do MEC.
Os casos omissos neste Manual serão resolvidos pela Comissão do Vestibular. Nenhum candidato poderá sair de sala antes de transcorrido 30 minutos de prova. Os 03 (três) últimos candidatos deverão permanecer na sala até o final das provas. Será eliminado o candidato que usar de meios fraudulentos para alcançar inscrição ou matricula. Os portadores de deficiência física devem entrar em contato prévio com a Comissão Organizadora do Vestibular.

IX - Dos conteúdos das provas

LÍNGUA PORTUGUESA

I GRAMÁTICA
1 - FONOLOGIA
GENERALIDADES. Fonema e letra. Classificação dos fonemas. Sílaba.
Encontro vocálicos. Encontros consonantais. Dígrafos.
ORTOGRAFIA. Acentuação gráfica. Emprego do hífen na prefixação.
Emprego da inicial maiúscula. Emprego de certas letras (x/ch; g/j; s/c/ç/sc/ss/x; s/z; e/
i;o/u).
USO DE: por que, porque, porquê, por quê.
SIGNIFICAÇÃO DAS PALAVRAS
SUBSTANTIVOS. Classificação. Formação. Locução substantiva. Flexão de
gênero. Flexão de número. Plural com metafonia. Graus do substantivo.
ADJETIVO. Classificação. Formação. Locução adjetiva. Flexão do gênero.
Flexão de número. Grau do adjetivo.
PRONOMES. Classificação. Pronomes substantivos e adjetivos.
NUMERAIS. Classificação. Emprego dos numerais ordinais.
VERBOS. Conjugação. Tempos simples e compostos. Verbos regulares, irregulares, anômalos, defectivos e abundantes.
ADVÉRBIO. Classificação. Locução Adverbial. Graus do advérbio.
PROPOSIÇÕES. Classificação. Locução propositiva.
CONJUNÇÃO. Classificação. Locução conjuntiva.
ESTRUTURA DAS PALAVRAS. Raiz e radical. Desinência. Vocal temática e tema. Nomes atemáticos. Vogais e consoantes de ligação.
FORMAÇÃO DAS PALAVRAS. Derivação. Composição. Abreviação. Siglas.
Onomatopéias. Principais prefixos gregos e latinos. Sufixos nominais, verbais e adverbiais. Principais radicais gregos e latinos. Hibridismo.

2 SINTAXE
ANÁLISE SINTÁTICA. Termos da oração. Sujeito e predicado. Classificação dos verbos. Termos relacionados a verbos ou a nomes. O predicado da oração.
Período composto. Funções da palavra SE. Pontuação.
CONCORDÂNCIA. Concordância nominal e verbal.
REGÊNCIA E CRASE. Regência verbal e nominal. Crase. Colocação Pronomial.

II - INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS
Ao candidato poderá ser dado um texto, em prosa ou verso, sobre o qual,
Além de parte gramatical, serão formuladas questões para medir a sua Capacidade de interpretação.
LITERATURA BRASILEIRA

I TEORIA
Versificação. Sílaba poética. Classificação dos versos quanto ao número de
sílabas. Estrofes. Rimas: ritmo de classificação. Poemas de forma fixa:
soneto, ode. Verso livre. Recursos rítmicos. Aliteração. Assonâncias.
Figuras de linguagem. Alegoria. Antítese. Hipálage. Hipérbato. Hipérbole.
Metáfora. Metomínia. Símile. Sinestesia.

II - PERIODIZAÇÃO LITERÁRIA
ORIGENS. A literatura dos viajantes. A Carta de Pero Vaz de Caminha. Pero de Magalhães Gandavo. A literatura dos jesuítas. Anchieta. Padre José de Anchieta e Manuel da Nóbrega. BARROCO. Bento Teixeira e Prosopopéia . Manuel Botelho de Oliveira. Gregório de Matos e a divisão de sua obra em lírica, sacra e satírica. Características do estilo barroco. ARCADISMO. Os épicos: Basílio da Gama e O Uraguaia . Santa Rita Durão e O Caramuru . Os líricos: Cláudio Manoel da Costa. Alvarenga Peixoto. Silva Alvarenga. Tomás Antônio Gonzaga. Características do estilo arcádico. ROMANTISMO. As três gerações românticas. Gonçalves de Magalhães. Gonçalves Dias. Os poetas do mal do século : Fagundes Varela, Casemiro De Abreu, Junqueira Freire, Álvares de Azevedo. Caso especial de Sousândrade.
Castro Alves. A prosa romântica. José de Alencar. Joaquim Manoel de Macedo. Manuel Antônio de Almeida. A corrente indianista. O sertanismo. Bernardo Guimarães. Visconde de Taunay. Características do estilo romântico na prosa e na poesia. REALISMO. A poesia parnasiana. Olavo Bilac. Alberto de Oliveira. Raimundo Correia. Vicente de Carvalho. A prosa realista. Machado de Assis. O impressionismo. Raul Ponpéia. O naturalismo. Domingos Olímpio. Franklin Távora, Adolfo Caminha, Inglês de Souza, Aluísio Azevedo. Características
Dos estilos parnasianos, realista, impressionista e naturalista. SIMBOLISMO. Cruz e Souza. Alphonsus de Guimarães. Características do estilo simbolista. PRÉ-MODERNISMO. A poesia de Augusto dos Anjos. O romance. Lima Barreto, Graça Aranha. Monteiro Lobato. Euclides da Cunha e Os Sertões . Manifestações que antecederam a eclosão do Modernismo. MODERNISMO. A Semana de Arte Moderna. Mário de Andrade, Guilherme de
Almeida. Menotti del Picchia. As diversas vertentes da poesia. Manuel Bandeira. Jorge de Lima. Cassiano Ricardo, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Raul Bopp, Vinicius de Moraes. O romance modernista de Jorge Amado, Rachel de Queiroz, José Lins do Rego, Graciliano Ramos, Érico Veríssimo. A geração de 45. João Cabral de Melo Neto. Thiago de Melo. Outras correntes de ficção. Clarice Lispector. Guimarães Rosa. PÓS-MODERNISMO. A poesia concreta. Augusto de Campos e Haroldo de Campos. Principais nomes da ficção. Rubens Fonseca. João Ubaldo Ribeiro. Márcio Souza. Principais nomes da poesia. Adélia Prado. Ferreira Gullar. Livros e autores da atualidade.

III - INTERPRETAÇÃO DE TEXTO
Ao candidato será dado um texto sob forma de poesia ou prosa, sob o qual serão formuladas questões pertinentes à forma e à linguagem, além de outras, capazes de medir sua capacidade de interpretar o que lê.

IV - LITERATURA DO AMAZONAS
CLUBE DA MADRUGADA. Significado histórico. Principais nomes da poesia.
Alcides Werk, Alencar e Silva, Antísthenes Pinto, Astrid Cabral, Elson Farias, Ernesto Penafort, Faria de Carvalho, Luis Ruas, Luis Bacelar. O conto. Arthur Engrácio, Erasmos Linhares e outros.
LÍNGUA ESTRANGEIRA INGLÊS OU ESPANHOL
Para a prova de língua estrangeira não há um programa específico. O que se pretende é verificar se o candidato possui conhecimentos fundamentais do idioma que escolheu. Assim sendo, a prova procurará levar em consideração a experiência que o ensino de 2º grau geralmente proporciona aos estudantes. Versará sobre a compreensão de textos, sobre o domínio de um vocabulário básico e sobre a estrutura gramatical da língua.

HISTÓRIA
A HISTÓRIA GERAL

I - AS PRIMEIRAS CIVILIZAÇÕES. Egito, Mesopotâmia. Hebreus, Fenícios / Medos e Persas. Ideologia e cultura das primeiras civilizações II - GRÉCIA ANTIGA. Formação do povo grego, A oligarquia militar de Esparta, a democracia ateniense, domínio Macedônia, A civilização helenística.
III - ROMA ANTIGA. O período da monarquia, a República romana, o imperialismo romano, a crise da República.
IV - A HERANÇA DAS CULTURAS CLÁSSICAS. A herança grega, o helenismo / a herança romana.
V - IDADE MÉDIA. Invasões bárbaras, os povos germânicos, os francos e o Império Carolíngio, O Império Bizantino, difusão do Islamismo.
VI - NASCIMENTO DAS MONARQUIAS NACIONAIS. Crise e decadência do feudalismo, a Guerra dos Cem Anos.
VII - COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA
VIII - RENASCIMENTO CULTURAL. O Renascimento na Itália e fora da Itália
IX - REFORMA RELIGIOSA. Calvinismo e Anglicanismo, Contra-Reforma: a
reação da Igreja Católica,
X - ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO. A monarquia absolutista na França.
XI - REVOLUÇÃO INGLESA DO SÉCULO XVII
XII - REVOLUÇÃO INDUSTRIAL AMERICANA E FRANCESA
XIII - NAPOLEÃO, A EUROPA E A AMÉRICA LATINA. A época napoleônica, a
Europa conservadora e o Congresso de Viena, a independência das colônias ibéricas na América.
XIV - AS REVOLUÇÕES EUROPÉIAS: 1830 a 1848.
XV - LIBERALISMO ECONÔMICO E SOCIALISMO
XVI - UNIFICAÇÃO NACIONAL E COMUNA DE PARIS. A unificação da Itália e
da Alemanha, Comuna de Paris: primeira tentativa de um governo popular.
XVII - OS ESTADOS UNIDOS APÓS A INDEPENDÊNCIA. A Guerra de Secessão, Pós-guerra: a emergência de um novo país.
XVIII NEOCOLONIALISMO E IMPERIALISMO. O colonialismo europeu na Ásia, Japão: uma nova potência imperialista, a Partilha da África, modernização da Rússia, expansionismo norte-americano.
XIX - PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
XX - REVOLUÇÃO DA RÚSSIA
XXI - PERÍODO ENTRE GUERRAS. Os EUA depois da I Guerra Mundial, a crise da Europa, o Japão após a I Guerra, a cultura no entre guerras, a América Latina no período entre guerras.
XXII - FASCISMO E NAZISMO. A ascensão do fascismo na Itália, A ascensão do nazismo na Alemanha.
XXIII - A II GUERRA MUNDIAL.
XXIV - A SITUAÇÃO DO MUNDO DEPOIS DA GUERRA. A Europa socialista, a Organização das Nações Unidas, o Pacto de Varsóvia, a diminuição das tensões.
XXV - UM MUNDO POLARIZADO. A situação política norte-americana, a União Soviética, a luta pela independência das colônias, o Oriente Médio e o conflito árabe-israelense, Revolução Chinesa: um novo país socialista, a América Latina depois da guerra.

B HISTÓRIA DO BRASIL
I - O BRASIL E O SISTEMA COLONIAL IBÉRICO. O modelo colonial português e o mercantilismo, o sistema colonial: o tráfico africano. O comércio colonial. As sociedades indígenas e o processo de destribalização. A SOCIEDADE COLONIAL: ECONOMIA DE EXPORTAÇÃO E DE SUBSISTÊNCIA, o papel da Igreja Católica, a crise do colonialismo luso na América Portuguesa (1777 1808).
II - ORGANIZAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO DO ESTADO IMPERIAL. O processo de independência, a política externa (1822-1850), a organização política e a transição regencial, a estabilização monárquica e o parlamentarismo (1850- 1870), a transição do Império para a República.
III - AS TRANSFORMAÇÕES ECONÔMICAS NO SÉCULO XIX. A economia
cafeeira e as transformações sócioeconômicas, Transição do trabalho escravo para o trabalho livre, imigração e colonização, a organização da classe trabalhadora, os liberais e a crise na República Velha.
IV - ECONOMIA E SOCIEDADE DOS ANOS 30. Autoritarismo e Popularismo, o Estado Novo (1937-1945), a II Guerra Mundial: o Brasil no contexto das novas relações internacionais, o desenvolvimento do capitalismo dependente da industrialização restringida à internacionalização, movimento culturais nos anos 20 e 30.
V - DEMOCRACIA E MILITARISMO. A experiência democrática e a realidade socioeconômica. Nacional desenvolvimentismo: os limites da atuação. Aguçamento das contradições sociais: as tentativas das reformas de base. O Golpe Militar de 1964 e as manifestações populares. Renovação cultural dos anos 60.
VI A MODERNIZAÇÃO AUTORITÁRIA. A consolidação do Estado de exceção. O milagre econômico . Repressão e luta armada. Da distenção à abertura democrática. Saturação do modelo econômico pós-64.

C HISTÓRIA REGIONAL
I - A AMAZÔNIA PRÉ-COLONIAL E A CONQUISTA DA AMAZÔNIA. Origem do homem americano. A cultura da floresta tropical: organização sociopolítico e socioeconômica dos povos indígenas da Amazônia. Classificação lingüística dos povos da Amazônia. Demografia da Amazônia pré-colonial. Os mecanismos de recrutamento da força de trabalho indígena: descimento regastes e guerras justas.
II - A AMAZÔNIA COLONIAL (1616-1823). As nações européias e a partilha
da Amazônia. O início da hegemonia portuguesa: o sistema de capitães de aldeia (1616-1686). O período das missões (1686-1755). Políticas pombalinas na Amazônia (1755-1798). A legislação indígena pós-Pombal.
III - EMANCIPAÇÃO POLÍTICA E PERMANÊNCIA DAS ESTRUTURAS
COLONIAIS. O processo de emancipação política na Amazônia. A Cabanagem. As manifestações autonomistas no Amazonas. A criação da Província do Amazonas.
IV - PROCESSO HISTÓRICO CONTEMPORÂNEO. Expansão e crise econômica gomífera. Diversificação econômica pós-borracha. A II Guerra Mundial e a Batalha da Borracha. As políticas de desenvolvimento da Amazônia. Grandes projetos e expansão capitalista na Amazônia. Migrações etensões sociais na Amazônia contemporânea. A criação da Zona Franca de Manaus e o impacto na economia regional. Dilema do extrativismo mineral
e da gestão ecológica.

GEOGRAFIA
I GEOGRAFIA GERAL
1 ASPECTOS GERAIS
UNIVERSO. Origem do Universo. Planeta Terra e Sistema Solar. Forma e
movimento da Terra.
CARTOGRAFIA. Escalas e coordenadas geográfica. Principais tipos de projeções artográficas. Fuso horário e documentação cartográfica. RECURSOS NATURAIS. Classificação, importação e aproveitamento. Panorama mundial da produção. Relação Homem/Natureza e questão ecológica. Organização do espaço. POPULAÇÃO. Estrutura, dinâmica, distribuição espacial e mobilidade. População urbana e rural. Teorias demográficas. RECURSOS ENERGÉTICOS E MINERAIS. Fontes tradicionais e alternativas de energia. Reservas energéticas e minerais conhecidas. Produção de consumo. ATIVIDADES INDUSTRIAIS. Indústrias de base, de bens de consumo e meios de produção. Fatores da localização e do desenvolvimento industrial.
ATIVIDADES AGRÍCOLAS. Sistemas agrícolas nos países desenvolvidos e nos países periféricos.

2 O MUNDO
O CONTINENTE AMERICANO. Relevo. Hidrografia. Clima. População.
Economia. América Regional. América Central: istmica e insular. América do Sul.
O CONTINENTE EUROPEU. Relevo. Hidrografia. Clima. Vegetação. População. Economia. Divisão regional. Europa e mundo dividido. EUROPA/ÁSIA: A ex-União Soviética. Relevo. Hidrografia. Clima. Vegetação. População. Economia. Transportes. Política exterior.
ÁSIA: Relevo. Hidrografia. Clima. Vegetação. População. Economia. Regiões da Ásia. Oriente Médio. Ásia Meridional. Sudeste Asiático. ÁFRICA: Relevo. Hidrografia. Clima. Vegetação. População. Economia. Regiões da África. África Branca. África Negra. OCEANIA: Austrália. Nova Zelândia e Papua-Nova Guiné. Ilhas do Pacífico. AS MUDANÇAS NO BLOCO SOCIALISTA. A Iugoslávia. A unificação da Alemanha. A ex-URSS.

GEOGRAFIA DO BRASIL
I ESPAÇO CULTURAL. Geologia. Relevo. Clima. Vegetação. Hidrografia.
II POPULAÇÃO. Formação da população brasileira. Diversificação étnica. Principais correntes imigratórias. Distribuição espacial.
III ESPAÇO NATURAL. Importância das atividades agrícolas na economia. Estrutura fundiária e política agrícola. Relações de trabalho no campo.
IV URBANIZAÇÃO. Tendências recentes, metropolização e problemas urbanos.
V INDÚSTRIA. Formação do parque industrial. Importância da atividade industrial da produção.
VI ENERGIA E RECURSOS MINERAIS. Fontes energéticas. Estruturas e demanda da produção. A mineração na economia brasileira.
VII CIRCULAÇÃO E TRANSPORTE. Redes rodoviárias e ferroviárias. Navegação. Organização espacial. Outros tipos de transportes.
VIII COMÉRCIO. Mercado interno e relações comerciais externas.
IX ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO BRASILEIRO. Espaço natural e espaço
construído. Desenvolvimento desigual.
X FORMAÇÃO SOCIAL. Etnia e cultura na formação do Brasil. Instituição sóciopolítica no Brasil colonial.
XI ORGANIZAÇÃO DO ESTADO NACIONAL. Evolução do sistema político. As constituições: o processo histórico. A constituição atual e suas características. Segurança interna e externa do Brasil. A política continental e mundial do Brasil.
XII SISTEMA SOCIAL. A estrutura rural. Industrialização e desenvolvimento. Planejamento econômico no Brasil. Problemas regionais.
XIII SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA. A vida rural e suas raízes históricas.
A cidade e os problemas urbanos. Problemas demográficos.
XIV CULTURA BRASILEIRA. A ação dos jesuítas no período colonial. A cultura literária e artística. O processo educacional brasileiro e sua evolução histórica. Ciências e tecnologias. Comunicação social e cultura de massa.
GEOGRAFIA DA AMAZÔNIA
I DIVISÃO POLÍTICA. Sub-regiões geográficas. A hidrografia na organização do espaço e na vida das populações. Relações geográficas entre florestas e clima. Relevo.
II ECONOMIA REGIONAL. Caça e pesca. Extrativismo vegetal e mineral. Agricultura e cultivo tradicional. Grandes projetos agropecuários. Processo de industrialização: a SUDAM e a Zona Franca de Manaus.
III POPULAÇÃO. Nações indígenas. Grande migração. Projetos oficiais de colonização. Mobilidade. Áreas rurais. Cidades.
IV POLÍTICA E QUESTÃO ECOLÓGICA.

MATEMÁTICA
I ÁLGEBRA ELEMENTAR. Conjunto. Potenciação. Radiciação. Produtos notáveis. Fatoração. Expressões algébricas. Equação do 1º Grau. Equação do 2º Grau. Equações biquadradas. Equações irracionais. Sistemas de equações.
II GEOMETRIA PLANA. Ângulo. Paralelismo de retas. Polígonos. Triângulos. Quadriláteros. Tangente. Teorema de Tales. Semelhança de triângulos retângulos. Polígonos regulares  inscritos. Área das figuras planas.
III ÁLGEBRA. Funções: relações binárias, estudos das funções, principais funções, sinais de funções de 1º e 2º grau e função composta. Função exponencial. Função logarítmica. Seqüências. Números complexos. Polinômios. Equações Algébricas. Matrizes. Determinantes. Sistemas e equações lineares. Análise combinatória. Binômio de Newton.
IV TRIGONOMETRIA. Medidas de arcos e ângulos. Trigonometria de triângulos. Relações trigonométricas. Seno, co-seno e tangente no ciclo trigonométrico. Arcos côngruos e equações trigonométricas.
V GEOMETRIA ESPACIAL. Esfera. Cilindro. Cone. Prisma. Paralelepípedo. Retângulo. Pirâmide.
VI GEOMETRIA ANALÍTICA. Coordenadas de um ponto. Equação da circunferência.
VII LIMITES E DERIVADAS.

FÍSICA
I MECÂNICA. Cinemática. Cinemática escalar: conceito básico, grandezas fundamentais, classificação dos movimentos, análise de gráficos, movimento uniforme, movimento uniformemente variado, lançamento vertical e queda livre. Vetores. Cinemática vetorial. Movimento circular. Movimento circular uniforme. Composição de movimento. Lançamento de projéteis. Dinâmica: Leis de movimento de Newton, algumas forças particulares, máquina de Atwood, plano inclinado, força de atrito, movimentos de trajetória curvilínea, trabalho e
energia cinética, potência, energia mecânica.
II MECÂNICA. Dinâmica: Impulso e quantidade de movimento, choque mecânico, gravitação, leis de Kleper, leis de gravitação universal, estática, equilíbrio do ponto material, equilíbrio de um corpo externo, hidrostático.
III TERMOLOGIA. Termometria, dilatação térmica, calometria, calor, propagação de calor, gases periféricos, teoria cinética dos gases perfeitos, equação de Clapeyron, transformações gasosas, lei geral dos gases perfeitos, termodinâmica, trabalho realizado ou recebido por um gás, primeiro princípio da termodinâmica.
IV ELETRICIDADE. Eletrostática: carga elétrica, campo elétrico, trabalho realizado pelo campo elétrico, condutor em equilíbrio eletrostático. Eletrodinâmica: corrente elétrica, resistores, associação de resistores, amperímetro e voltímetro, ponte Wheatstone e ponte de fio, gerador, reatores, capacitores. Eletromagnetismo: ímãs, força magnética, fluxo magnético.
Óptica geométrica: noções básicas, princípios da ótica geométrica, pontos conjuntos por um sistema óptico, reflexão da luz, lente esféricas, instrumentos da óptica da visão. Ondulatória. Ondas. Ondas unidimensionais. Onda bi e tridimensionais. Ondas sonoras.

QUÍMICA
I PROPRIEDADE DA MATÉRIA. Matéria e energia. Os estados físicos das matérias em transformações. Propriedades características.
II MISTURAS E SEPARAÇÃO DE MISTURAS. Separação de misturas heterogêneas e homogêneas. Processos seletivos.
III - ESTRUTURAS DO ÁTOMO. Modelo atômico de Dalton. Modelo atômico de Thomson. Modelo atômico de Rutherford. Modelo atômico de Boh.
IV TABELA PERIÓDICA. Metais. Não-metais. Semimetais. Os períodos e grupos da tabela periódica. Propriedades periódicas.
V LIGAÇÕES QUÍMICAS. A teoria do octeto. A teoria orbital molecular. Ligações químicas e energia. Substâncias e propriedades. Geometria molecular. Moléculas polares e apolares. Ligações entre moléculas. Propriedades e estrutura das substâncias. VI RADIATIVIDADE. Tipos de radiação. Leis de radiatividade. Transmutação natural e séries radiativas. Transmutação artificial. Equações nucleares. Fissão e fusão nuclear. Cinética da desintegração radiativa. VII REAÇÕES QUÍMICAS. Leis ponderais da reação química. Leis volumétricas das reações químicas. Massa atômica. Massa molecular. Mol.
VIII FUNÇÕES INORGÂNICAS. Ácidos: conceitos de Arrhenius. Base: conceito de Arrhenius. Sais. Hidretos. Óxidos. Outros conceitos de ácidos e bases.
IX ESTUDO DOS GASES. Cálculos químicos. Cálculos de fórmulas. Cálculo estequiométrico. Cálculos equivalentes.
X SOLUÇÕES. Unidades de concentração. Diluição e concentração de soluções. Mistura de soluções. Reações em solução aquosa.
XI TABELAS.
XII PROPRIEDADES COLIGATIVAS. Número de partículas dispersa numa solução. Tonometria. Ebuliometria. Criometria. Osmometria.
XIII TERMOLOGIA. Medida de calor de reação. Entalpia e variação de entalpia. Determinação indireta do calor de reação. Tipos de calores e espontaneidade das reações.
XIV CINÉTICA QUÍMICA. Velocidade média da reação. Fatores que alteram a velocidade de reação. Teoria da colisão.
XV EQUILÍBRIO QUÍMICO. Características de um sistema em equilíbrio. A constante de equilíbrio. Deslocamento do equilíbrio químico. Equilíbrios iônicos.
XVI ELETROQUÍMICA. Reações de oxi-redução. Pilhas ou células eletroquímicas. Eletrólise.
XVII QUÍMICA ORGÂNICA. O carbono. Funções orgânicas. Isometria. Reações orgânicas. Estudo das funções orgânicas: hidrocarbonetos, haletos orgânicos, compostos oxigenados e compostos nitrogenados.
XVIII QUÍMICA DESCRITIVA. Compostos inorgânicos. Petróleo. Metais. Outros compostos importantes.

BIOLOGIA
I CITOLOGIA: As substâncias da célula: substâncias orgânicas e inorgânicas, Organização celular: substâncias orgânicas e inorgânicas, A vida da célula: energia para atividades celulares, fotossíntese, transportes através da membrana, respiração celular, coordenação das atividades. Divisão celular: fase da mitose e meiose I e II
II GENÉTICA. O trabalho de Mendel: cruzamento com par de alelos, noções de probabilidade, alelos múltiplos e grupos sangüíneos, determinação do sexo e herança ligada ao sexo. Segunda lei de Mendel e interação gênica, ligação fatorial e recombinação genética, os genes na população.
III SERES VIVOS I. Procariontes: bactérias e cianoficeas, algas, fungos e liquens. Metaphita, os vegetais terrestres: classificação dos metáfitas, biófitas, pteridófitos, gimnospermas, angiospermas, evolução da reprodução. Organização das espermatófitas: a célula vegetal, diferenciação celulares, tecidos vegetais, desenvolvimento e organização interna. Fisiologia das
espermatófitas: osmose e sucção celular, absorção pela raiz, fisiologia da folha, condução da seiva, crescimento e desenvolvimento.
IV - SERES VIVOS II. Desenvolvimento embrionário animal: gemetogênese, fecundação, tipos de óvulo e segmentação, embriogênese dos cordados, anexos embrionários em vertebrados, critérios embriológicos de classificação. Os grupos animais: protozoários, poríferos, celenterados, platelmintos, asquelmintos, anelídeos, antrópodes, moluscos, equinodermos e cordados. Anatomia e fisiologia comparas: revestimento, sustentação e locomoção, digestão. Troca de gases: respiração. Transporte: circulação. Excreção.
Regulamentação nervosa e hormonal.
V EVOLUÇÃO. Teorias evolucionistas. Evidências da evolução. Mecanismos
da evolução e equilíbrio. Origens de novas espécies.
VI - ECOLOGIA. População. Relação entre indivíduos das populações. Comunidade. Energia e matéria no ecossistema. Biosfera. A espécie humana e o ambiente.
VII ORIGEM DOS SERES VIVOS. A terra primitiva e sua atmosfera. Os oceanos primitivos e a origem da vida.

 

Ficha Técnica
Reitora
Profa. Gisélle Vilela Lins
Vice - Reitoria
Profa. Karla Lilian Magalhães Pedrosa
Editoração
Assessoria de Comunicação Social
Distribuição
Setor Comercial